sexta-feira, 23 de março de 2012

Strip é...


... Deixar os devaneios mais insanos irem ao rubro, juntamente com o corpo que deambula de um lado para o outro ao som de uma (música), sensual. Corpo esse, que se torna o foco central de quem observa tal ritual erótico. Corpo esse, que se transforma numa autêntica serpente quando se auxilia sobre a parede, o cortinado, a cama, a mesa... e o corpo desliza suavemente em movimentos estonteantes. As expressões faciais, acompanham toda aquela sedução assim como o olhar, os cabelos, os gestos das mãos, os movimentos das pernas., das ancas... o tronco, contorce-se habilmente entre as sombras da penumbra do quarto, entre as sombras da vela que serve de adereço fundamental, imprescindível até para compor todo aquele ambiente que transpira sensualidade. Sensualidade essa, que sabe que está a ser apreciada ao milímetro. Sensualidade essa, que está a ser manipulada com distinção, com astúcia, com mestria. Sensualidade essa, que é sugada com o olhar de quem observa. Sensualidade essa, que penetra a mente, os sentidos, o desejo do observador que está ali, imóvel, expectante a cada movimento, está ali sobe o comando da serpente manipuladora dos devaneios. E gosta. E vibra. E anseia pelo seguimento de todo  aquele ritual excitante, desprovido de pudor. Anseia pelo momento de tomar as rédeas do jogo. Um jogo consciente de duas pessoas que sabem dar e receber prazer e, tirar partido das armas que têm. O gosto que se fica e, soube a pouco.

20 comentários:

  1. Muito sensual este teu post Essência. Até deu vontade de colocar em prática.

    ResponderEliminar
  2. Já a serpente trazia o fruto proibido !
    So sexy para uma sexta ..

    ResponderEliminar
  3. saberia sempre a pouco... por vezes sinto que mais valeria não começar o que se sabe que vai acabar deixando um sabor de tristeza por isso...

    ResponderEliminar
  4. Se sabe a pouco, significa que se terá sempre de fazer outra vez e outra e outra!

    ResponderEliminar
  5. Belo devaneio...este post mais o do carro..hummm num se não!!!!
    Bom fim de semana minha querida! Abracinhooooooooo

    ResponderEliminar
  6. Pois é... os nossos sentidos são gulosos... e querem sempre mais e mais.
    Dar e receber... sentir cada estímulo a cada movimento... fazendo aumentar a vontade de passar dos prazeres visuais ao do toque...
    A mulher sabe cativar, conquistar... ser ela a comandar cada momento do jogo de sedução e sabe fazê-lo com mestria.

    E o homem fica deleitado... querendo sempre mais... porque sabe que no final receberá o seu prémio.

    Muito bom este teu post. Também me conseguiste inspirar com essa tua inspiração!
    E a música... bem... acho que a vou levar! Não conhecia o Robin... mas conhecia a sensualidade da Paula Patton por tê-la visto contracenar com o Tom Cruise na "Missão Impossível 4".


    Beijinhos e um excelente FIM DE SEMANA.

    ResponderEliminar
  7. Hoje a blogsfera anda toda inspirada sexualmente falando :D Adorei o texto, senti-me como se fosse eu propria a presenciar esse momento ;)

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  8. Um strip intímo, é demais oh,oh!


    :)

    ResponderEliminar
  9. E eu vou sair de mansinho...para te deixar aproveitar da melhor forma a noite de sexta-feira.

    :)

    Beijo

    ResponderEliminar
  10. Sensual o que escreveste???Super hiper mega sensual!!!Fantástico!!
    E adoro a música que escolheste.

    ResponderEliminar
  11. Uma descrição/vivência perfeita de algo que bem poderia ser normal e desejado na intimidade do casal!
    Uma descrição viva e com o sal necessário.
    Um texto fantástico.

    ResponderEliminar
  12. hummm que inspirador.

    Bom final de semana Essência.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  13. Sim srª.Também punha em prática,mas com a pipoca,agora a dança é outra....mas sabes o que ando há seculos para experimentar?Pole dancing....

    ResponderEliminar
  14. Obrigada pelos comentários. Vocês é que são uns queridos! :$

    De quando em vez, sabe bem devaniar... ;)

    Kiss

    ResponderEliminar
  15. E viva a magia da paixão e dos delirios :)

    ResponderEliminar

"Eu não escrevo em português. Escrevo eu mesmo".♥ - Fernando Pessoa

A essência que queres partilhar comigo é?...