terça-feira, 13 de março de 2012

Perder os três de maneira peculiar (ou não).


Sou seguidora recente do (blog), Shiuuuu...
Umas vezes lá vou espreitar, quando o título desperta-me a atenção. O que foi o caso desta vez. E, basicamente, o tema do post diz (já que passo na íntegra): "Eu tinha 17, ele 30 anos. Estava a chover, e estávamos no banco de trás do carro dele. Eu estava com o período. Foi assim que perdi a minha virgindade."

O que me intrigou aqui além de alguns comentários, nem foi tanto pelo sítio (apesar que para uma primeira vez... enfim...), mas pelo estado que a «pequena» se encontrava. Não que ache ou não nojento em se ter relações sexuais, ou fazer amor (como queiram chamar o acto.. Confesso que prefiro dizer "fazer amor", mas, há para todos os gostos), com o período, não! Até porque, cada um sabe o que lhe dá mais prazer... mas questiono o meu decote do  «porquê que uma miúda, opta por ter a sua primeira vez, já que por regra geral (e se eu me lembro da minha, estava meio constrangida, e queria era não sentir dor (segundo os mitos que se ouve), e que tudo termina-se logo e mais, que ele não explora-se muito o acto em si, nem o corpo. Vá, tive sorte! Éramos os dois virgens!!), não nos sentimos confortáveis. Ou estou assim a divagar transcendentemente?» - Porque para além de ser «marinheiro de primeira viagem» só o acto em si, naquelas condições deveria repugnar. Ou não? Porque acaba por ser um «extra» bastante peculiar, não? É que já para casais com experiência, concerteza (ou não), que deve fazer confusão. É que depois, precisa-se ter uma intimidade extrema. Precisa-se ter cumplicidade. Precisa-se confiar plenamente no parceiro. Digo, na saúde para se poder se estar à vontade para se passar para a tal «experiência». Porque convém ser uma decisão a dois. Não sei, quer-me parecer que sim. Obviamente que este raciocínio, é em parte sobre a minha perspectiva do tema, experiência até... mas, num grosso modo, também escrevo analisando de um modo geral ao tema. Contudo, já percebeu-se claramente que estou com muitas reticências, porque de facto é um tema bastante intimo de cada ser, mas não deixa de ser intrigante neste apontamento que salta à vista do tema em si. Porque efectivamente suscita curiosidade. Não do acto em si obviamente, mas do que leva a alguém, principalmente nas condições que está, a tomar tal decisão. Assim sendo, trago o tema para ser desmistificado aqui, convosco.
Digam-me então meninas: acham normal tal situação? Se viriam nas mesmas condições que a miúda de 17 anos? O acto em si com o tal extra, para vocês, faz parte das vossas rotinas?
E os meninos: alinhavam?
Independente do sim ou não, podem explicar o porquê? Obrigada.

Sei que é um tema delicado, intimo até... mas o que abordo neste post e passo-vos depois a bola, (reforço mais uma vez), é as acções que levam ao acto em si. Posto tudo isto, acredito, que vocês conseguem expor  as vossas ideias sem entrar  em pormenores. Sei que irão conseguir dar a volta ao texto brilhantemente.

51 comentários:

  1. ora bem, perguntas se no caso dos rapazes, se importariam com o facto de a rapariga estar com o periodo.

    sinceramente , nao sou propriamente a pessoa mais experiente nisso, mas ai é uma decisao dos 2, por um lado existem rapazes que até têm esse fetiche que gostem e tal, mas acho que é a rapariga que tem de dizer se se sente confortável em ter relaçoes nessa altura

    ResponderEliminar
  2. Eu li esse segredo e não acredito que seja verdade.
    Num carro com o periodo, aquilo suja tudo, só se ela levasse toalhas e toalhitas ou então o bidé com ela para depois se lavarem.
    É apenas a minha opinião, a não ser que ela tivesse nos ultimos dias e estivesse a acabar. Mas mesmo assim ainda ponho em duvida porque suja na mesma com a excitação.
    Desculpa as palavras explicitas e visao menos boa lol mas éa minha opinião.
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  3. Concordo contigo.
    Para nós mulheres, é desconfortável.


    :)desejo

    ResponderEliminar
  4. Só mesmo tu para vires com este tema...eh eh! Também leio esse blog e cá vai a minha opinião sincera e a minha partilha. Essa menina, embora com os seus 17 anos possa pensar que já é muito madura, não deixa de o ser, uma menina ainda e como tal, talvez impulsionada pelo momento deixou-se ir na onda, o que acontece é que quem já exerimentou fazer amor num carro, seja à frente ou atrás, a falta de espaço é óbvia, as posições exigem perícia e parece-me que essa virgindade pode ter sido perdida sim, mas só a física porque a mental já há muito que a tal menina a tinha perdido para aceitar tão abertamente um momento íntimo e cumplice como esse, volto a frisar, num carro, com o período, perdendo a virgindade, custa-me a crer, a sério! E ainda tenho outra teoria, se bem que mais espatafurdia, porque me veio logo à lembrança este pensamento: Será que a menina pensava que assim não engravidava?" e acredito que muitas outras meninas o façam a pensar nisto!
    Claro que não julgo o acto, cada um é livre de fazer o que mais gosta (agora vem a minha partilha) mas que é uma verdadeira porcalhada, isso é, não tem quase vantagens nenhumas, a não ser o facto de já se poderem dispensar os preliminares porque a "perseguida" já tem lubrificação que chegue...só se for por isso, de resto, eu pessoalmente não gosto mas se me apetecer...olha, limpa-se depois! Espero não ter sido muito explícita....eheh
    Beijocas nossas ;)

    ResponderEliminar
  5. O mais certo é que nem ela neste momento consiga explicar o que a levou a isso, talvez lhe tenha parecido boa ideia na altura, talvez tenha permitido um avanço que depois não conseguiu travar ou simplesmente isto hoje em dia seja banal e totalmente desvalorizado. A perda da virgindade , i mean.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Não é que ache o acto repugnante ou que seja uma situação totalmente anormal, acho apenas... uma situação insólita. Na altura, tal coisa nunca me passou pela cabeça, credo! Já me bastavam as dores da menstruação quanto mais...
    Para avançar para o nível de ter relações sexuais com a mulher menstruada penso que não é algo que agrade a todas/os, penso, tal como tu, que é uma decisão a ser tomada pelos dois, na medida em que é necessário que ambos se sintam confortáveis com tal situação e claro, é preciso um alto grau de intimidade/cumplicidade. Actualmente, a mim, não me incomoda se for nos últimos dias em que o seu surgimento é quase inexistente, agora nos primeiros dias é que nem pensar por uma questão de desconforto e dores da própria menstruação (muitas dores!).

    ResponderEliminar
  7. Na minha modesta opinião na hora do H ela nem pensou no assunto.
    Eu acho desconfrotavel toda a situação....
    Bjstos
    Bom dia

    ResponderEliminar
  8. Será verdade? Tenho dúvidas...se era a primeira vez deveria estar bastante nervosa, com algum receio...se estivesse com o período mais ainda!! Nem acho normal o homem não se ter preocupado com o bem estar dela!

    ResponderEliminar
  9. O que caraxxx... Mas tá tudo doido???
    Se é confortável ou não???
    Se ele se preocupou ou não???
    Se ela tem 17 e ele 30 É CRIME!!!
    Pelo menos neste país... pelo menos era!!! Não é pedofilia mas abuso de menor... e vocês discutem a particularidade de perder a virgindade no banco de trás e com o o período... OK!

    ResponderEliminar
  10. O calor do momento pode ter levado a isso, no entanto não me parece que seja uma coisa confortável, acho também que para uma primeira vez o "calor do momento" nem exista...

    ResponderEliminar
  11. Humm... só dois homens é que se chegaram à frente neste tema... humm... ;)

    Riga,

    Ora que tocaste num ponto muito pertinente, deixa que te diga. O fetiche! De facto há pessoas (homens neste teu ponto), que tem. E diz-me, tu, vocês como homens, é saudável tal fetiche? Terão vergonha de partilhar com a companheira tal ideia? :)

    Life is what it is,

    Antes de mais, bem-vinda.
    Bem, aqui nem está em causa a veracidade do tema, mas pertinente citação. No entanto, entendo o sentido que dás à tua explicação e de facto tem o seu quê de pertinência, sem dúvida! E nada a desculpar, até porque por mais voltas que damos a determinado assunto, há aquelas palavras-chaves que são necessárias para dar sentido ao raciocínio que queremos passar. :)

    desejo,

    Risos... sacaninha... sais de fininho ao tema... eu estou-te a ler! ;)

    Karochinha,

    Não esperava outra atitude da tua parte!
    Não é descabido não senhora a tua questão. Até porque sabemos que nessa altura não corremos o risco de engravidar. Daí muitas pessoas optarem por "aproveitar" sem medos o acto (se é que me faço entender...). E sabes, concordo contigo. Apesar que pessoalmente, desde que seja com a cumplicidade devida e ser A pessoa, sem problemas alguns. Até partilho mais, fico muito mais sensível nesta fase... ;)

    Niki,

    Banal até é. Aliás, irónico que quem seja virgem por vezes é gozado :S. Mas, a experiência individual, onde fica? ;)

    Ardnaxela,

    De acordo com a tua perspectiva. ;)

    abspinola,

    Achas que sim? Pelos nervos? Mas, acho que se fica com mais receio e retraída, não? ;)

    Nokas,

    Muito bem Nokas, bastante pertinente o teu apontamento!
    "Nem acho normal o homem não se ter preocupado com o bem estar dela!" - Deveria se importar. Mas, será que é O mais-que-tudo, ou somente uma aventura? Porque, apesar de estúpido, esse "ou" faz diferença. É que os homens na altura do "vamos a ver", pensam é com a cabeça de baixo do que com a de cima. Quiçá vão ao sentimentalismo. Estou errada senhores? ;)

    Velho do Restelo,

    Por isso é que gosto de ti, pá!
    Sim, faz sentido a tua questão. Mas de facto o sentido do post é do acto sexual com a menstruação e sendo virgem. No entanto, é pertinente sim senhor. Mas sabes, pedofilia ou não, quem está envolvido na "relação" passa ao lado desse pequeno pormenor. ;)

    Tânia,

    Concordo em absoluto! ;)

    ResponderEliminar
  12. Pequeno uma ova... Se alterares o Post de 17 para 18... dou-te outra resposta... assim como está, só consigo ver o crime!

    ResponderEliminar
  13. Velho do Restelo,

    Pois, pois... o que queres saltar é a tua partilha de opinião (somente), ou experiência, ao tema em si. Sei... :P

    ResponderEliminar
  14. Se ela tivesse 18 anos e 1 segundo. Para mim, para a 1ª vez dela... com o período... Não!

    ResponderEliminar
  15. Será nervos? ou vontade de seguir em frente!!!!
    Eu acho que a loucura do momento e o prazer é mais intenso que o dito cujo...

    Essencia esta é a minha opinião... imagina 18 anos com um homem talvez charmoso com os seus 30 ele provavelmente um flor e ela uma florzinha para desabrochar....

    Eu consigo imaginar bem a cena !!!!

    Bjstos

    ResponderEliminar
  16. abspinola,

    Eu estou a perceber e respeito a tua perspectiva, atenção!. Somente estou a colocar outras questões sobre as tuas respostas para ver se consegues dar a volta ao texto.

    Claro que é possível o cenário que colocas. Mas aí, não estamos a descrever uma menina inocente no alto dos seus 17 anos virgem e que pouco ou nada sabe da vida. Por mais Deus grego que lhe esteja à frente, há medos nossos íntimos que falam mais alto. Também é aí que estou a focar. ;)


    Velho do Restelo,

    Humm... já percebi que para ti, menores de idade está fora de questão! E muito bem! Mas, não fujas ao tema em si e responde-me! És homem para alinhares numa situação descrita do post (tirando o facto de ser com uma menor)? Ou simplesmente não alinhavas porque achas nojento etc...? Ou até, em última instância, te é indiferente, desde claro que estejas com a pessoa Y na vossa cumplicidade? (Vá, não estrebucha e responde!)

    ResponderEliminar
  17. Ora bem... Isto, na minha opinião, criaria uma situação nada confortável. Já não basta o receio da primeira vez, ainda por cima trazer um extra com ela... Eu não me sentiria capaz! Mas há pessoas e pessoas!

    Provavelmente, ela adorou e não se importou! :)

    ResponderEliminar
  18. A mim mete-me um bocado de impressão...perder a virgindade enquanto está com o período? Quer dizer... não sei...
    Mas lá está, ela se calhar gostou e mão lhe meteu impressão...

    ResponderEliminar
  19. Apesar de ter "a mente aberta" como se diz, fiquei chocada quando li este segredo no shiuuu.

    ResponderEliminar
  20. Acho que é uma historia altamente improvavel. Em primeiro lugar perder a virgindade dentro de um carro já nao deve ser de todo agradavel...isto associado ao facto de estar com o periodo torna-se para mim incompreensivel. Acho que este tipo de partilhar, a existir, requer sim muita cumplicidade e confiança ...coisa que nao me parece que existisse na presente situaçao.
    Nao sei o que moveu a moça...mas certamente eu nao seria capaz.

    ResponderEliminar
  21. Acho que não é de todo o momento indicado para uma "primeira vez"!
    É sempre um momento que requer um ambiente descontraído e não será de todo esse o caso!
    De resto, quanto a terem-se relações durante o período, não vejo qualquer inconveniente... se os dois estiverem de acordo com isso.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  22. A minha grande questão, no meio disto tudo, é: Como é que um gajo com 30 anos aceita enrolar-se com uma miúda de 17 anos, nestas condições? Ainda por cima virgem! Dentro do carro!
    Sexo, carro e período, na mesma frase... NUNCA! Juntando pedófilia nessa mesma frase, caneco, é uma coisa do demo!

    ResponderEliminar
  23. Adoro o teu blog, já o sigo! :)
    Passa no meu e segue-o também, tenho uma proposta de part-time ideal para ti!!!
    É um part-time que não nos ocupa tempo nenhum, não temos obrigações, não temos de ter experiência de vendas, basta mostrar o catálogo (ele vende-se sozinho, basta mostrar...) e ainda temos descontos em todos os produtos!!!
    Se te inscreveres pelo meu blog até amanhã (17h) receberás uma palete de sombras no valor de 17€!
    Beijinhos e até já*

    ResponderEliminar
  24. Eu li este segredo, pois também sou seguidora do blog Shiuu.
    E não gostei nada de ler o segredo, achei de tal modo nojento e nada romântico. E confesso que também me surpreendeu um pouco a idade de ambos e se na verdade a intenção dele era a melhor.
    A meu ver a primeira vez é algo que deve ser feito com bastante cumplicidade e amor, e talvez num local mais acolhedor. E o facto dela estar menstruada também me faz ver a falta de higiene que tiveram, ainda por cima num carro. Enfim... às vezes até acho que nem vale a pena comentar certas coisas, pois cada vez fico mais chocada com esta sociedade. Quem me dera que os tempos de romantismo bonitos e singelos voltassem.

    ResponderEliminar
  25. Para eles os dois poderia não ser desconfortável facto de a rapariga estar com o período... há "gostos e gostos"... para mim a situação não teria acontecido...

    ResponderEliminar
  26. Acho que a miúda fantasia um pouco, mas enfim ... quanto à situação de estar com o período não, para mim já é um desconforto e também é pouco higiénico!!

    Parabéns pelo tema e pelo debate;)

    Beijo

    ResponderEliminar
  27. Essência, não fugi ao tema, fugi do teu blog .
    No trabalho, com pessoas a rondarem o computador, escrevo o que posso. E como anónima, em alguns casos.

    :) desejo

    ResponderEliminar
  28. Mê Dês a 1ª vez devia ser pompa e circunstancia e nao com actos de vampirismo
    kis :=) credo há gostos para tudo nós e que somos esquisitas
    kis .=)

    ResponderEliminar
  29. Ora bem... ou não viste bem... ou não me expliquei o suficiente: Com 18 anos e 1 segundo, por ela, por ser a sua primeira vez, NÃO ACONTECERIA! Mas só por isso... pois uma primeira vez na serra de Sintra ou no guincho por exemplo, mesmo no banco de trás... pode ser bem melhor E INESQUECÍVEL, que entre 4 paredes!
    Mais que qualquer tipo de constrangimento com o período. Pois tal como dizem mfc, Baldocas e Palco do Tempo... Isso depende dos dois!
    Sim, já me aconteceu e visualmente não é muito agradável...
    Deixo aqui Saudações à Paula e à Sara Sem Sobrenome (adorei este nick e já mandei umas cabeçadas na parede por não me ter lembrado para mim) pela referencia da idade!
    Respondendo em Particular à Sara Sem Sobrenome, como é que aceita? Simples, pensamos muita vez só com o pénis!

    ResponderEliminar
  30. Sofia,

    Estamos em sintonia. ;)

    Palavra,

    Pois... deve ter gostado. :S

    Vera,

    Somos duas! Tanto que o transportei para aqui. :S

    Porque um dia me perdi,

    Estamos em sintonia, sem dúvida! ;)

    mfc,

    A visão de um homem cuidadoso. ;)

    Sara,

    Risos... portanto, surreal! ;)

    Paula,

    Não vale a pena ter pena do que já lá vai... resta-nos não continuar a "errar". ;)

    Baldocas,

    Risos... imaginação fértil, o raio da "piquena"! Muitas assim, já meteram muitos marmanjos dentro. :S

    desejo,

    Risos... okay, se estavas a trabalhar estás desculpada, vá. ;)

    Avogi,

    Risos... o que me ri com a tua tirada de actos de vampirino! Só tu mulher! ;)

    Velho,

    Ufaaaa! Estava difícil admitires tal façanha, irra! :P

    ResponderEliminar
  31. Ela 17?! Só se quisesse ser preso!! No mínimo a coisa funciona assim, elas perguntam se temos preservativo, nós o BI!

    ResponderEliminar
  32. Antes de dar a minha opinião permitam-me apenas uma pequena rectificação dado que alguns comentários se referem ao facto da relação ter sido entre um homem de 30 anos e uma jovem de 17 anos. De acordo com o Código Penal em vigor apenas é considerado crime (mais concretamente o crime "actos sexuais com adolescentes", aquele que praticar acto sexual com menor entre 14 e 16 anos - art. 173º). Se tem 17 anos não é crime (a não ser que estivessemos perante um caso de prostituição de menores e/ou lenocídio de menores dado que neste caso é até aos 18 anos). Isto em termos legais. Em termos éticos deixo à consideração de cada um pelo que respeito a opinião do Velho do Restelo

    Posto isto, e quanto à questão que a Essência coloca vou fugir um pouco à opinião maioritária.

    Independentemente da forma como cada um encara a sexualidade (e ela tem muito a ver com a educação quer se queira quer não), o ter relações sexuais quando uma mulher está com o período vai depender do casal e da intimidade que ambos conseguiram atingir na relação. Até porque dos estudos que existem, parece que há uma unanmidade quanto ao facto da mulher sentir muito mais prazer nessa altura. Assim, e no pressuposto de que ambos querem e desejam não me repugna.

    Nota - E não tem nada a haver com minha idade. Ou talvez tenha. :)

    Beijo

    ResponderEliminar
  33. Enfant,

    Estou a jantar e estou com o computador aqui ligado, e só te digo, ia-me engasgando de tanto rir com o teu comentário. Bom, muito bom!! ;)

    Homem prevenido é sempre aquela base ;)

    NI,

    Agradecida pelo esclarecimento. De facto não sabia. Também pensava que 17, ainda seria pedofilia. Mas analisando bem, até faz sentido que assim seja.
    Quanto à tua opinião, não podia estar mais de acordo. Até porque ela vai de encontro com a minha. ;)

    ResponderEliminar
  34. NI,

    Faz sentido! Essa idade, 14 anos, se formos analisar bem, bolas, ainda é uma criança (quase). O que uma miúda dessa idade sabe da vida? Sabe do mundo que a rodeia? Nada! Por mais que essas miúdas (e cada faz se vê e se ouve), elas a terem comportamentos como umas senhoritas, porque também parece que comem adubo e com 13 anos, 14 anos já têm corpo feito. Cara de criança, mas o corpo não acompanha. A mente então, nem se escreve. (Apesar que elas amadurecem mais cedo que eles). Mesmo assim, e o mais estonteante, é que vemos casos assustadores, e sem esquecer, nas imensas mães adolescentes que temos no nosso país. Por auto recriação. Por negligência familiar... enfim, uma série de factores que todos juntos fazem uma imensa bola de esterco. Desculpem a expressão. E agora divaguei e fui eu que fugi ao tema por breves linhas. ;)

    ResponderEliminar
  35. Divagaste mas divagaste bem.

    Concordo contigo.

    Tenho uma filha com 14 anos e a verdade é que devido ao desporto de competição que ela praticou durante alguns anos e ao facto de ser uma jovem bonita, (e não sou eu quem o diz porque eu digo que ela é linda de morrer), ela aparenta ter 16/17 anos. Ainda no outro dia comentava que seria perfeitamente normal um jovem de 18anos ter uma paixoneta por ela longe de imaginar que estaria apaixonada por alguém que só há uns curtos meses deixou de ser legalmente criança para ser adolescente.

    E agora fui eu que acompanhei o teu devaneio (só para não te sentires só.

    Beijo

    ResponderEliminar
  36. NI obrigado pelo esclarecimento, não sabia mesmo... embora mesmo não sendo ilegal... mentalmente não me consigo ver com uma jovem com menos de metade da minha idade e que no minimo não seja maior de idade!


    Fdxx... agora reparo que mesmo com 18anos e 1segundo continuaria a ter menos de metade da minha idade!

    ResponderEliminar
  37. No banco de trás até entendo, a chuva dá um ar romântico, mas com o período???
    Sexo com o período???Não.

    ResponderEliminar
  38. Velho do Restelo, entendo perfeitamente. O curioso é que se é impensável para alguns, por exemplo, um homem de 36/37 anos (estou a tentar fazer a metade + um), andar com uma jovem de 18 (coloquei 18 por já ser adulta), já não parece "tão mal" um homem de 50 andar com uma de trinta. E a diferença de idades é maior.

    Os preconceitos sociais têm este aspecto interessante.

    ResponderEliminar
  39. NI,

    Obrigada querida por acompanhares as minhas divagações. ;)

    Senti agora uma mãe super babada!! Como te entendo... e a minha só tem 5 anos (quase, quase 6 anos).

    A questão que partilhaste com o Velho, engraçado, mas é um tema que está brevemente para sair. ;)

    Velho,

    Não me digas que só agora te deste conta que estás a ficar velho (no verdadeiro sentido da palavra!)?

    Inês,

    Risos... experimenta... verás que terás outra opinião... nem sempre o que parece é. ;)

    São parcas as tuas palavras mas essenciais! :)

    ResponderEliminar
  40. Só posso assumir que foi uma coisa inesperada. Obviamente que ter sexo durante a menstruação não é problemático mas para a primeira vez é, no mínimo, estranho.

    ResponderEliminar
  41. Essência... Infelizmente tenho reparado!!!
    NI não querendo roubar espaço à Essência para o post que ela pretende fazer sobre o tema, acho que a diferença está na experiência de vida enquanto adulto! Afinal de contas é adulto a partir dos 18... (tive que apagar parte da resposta, pois já estava a responder ao post que ainda não foi feito)
    Resumindo a diferença é que aparentemente aos 18/19/20 é uma jovem e a partir dos 30 "é uma mulher feita"...
    Essencia (PI) faz lá isso e avisa!!!

    ResponderEliminar
  42. Ora vamos lá falar sobre isto...Depois de ter o titulo do post que falava em perder os três pensei mesmo que não se tivesse tratado de sexo vaginal mas sim de anal...Há gostos para tudo, eu falando por mim era INCAPAZ de o fazer num carro pela primeira vez, com alguem mais velho e estando com o periodo...São uma data que coisas que juntas nao me soam bem....Tal como dizes e muito bem, é preciso ter muito a vontade para o fazer quando se esta com o periodo...Não é que isto interesse muoto mas dando o meu exemplo, eu raramente o faço simplesmente porque não me agrada minimamente, não estou confortavel e vou acabar por nao desfrutar...mas isso também depende de cada um...resta saber se ela gostou =P

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  43. Mas que nhaquice!

    O facto de ela ter 17 e ele 30 também é um bocado chocante.
    Todo esse segredo transborda coisa estranha.

    p.s: agora, tb estou a visitar o blog e até gosto;)

    ResponderEliminar
  44. Nunca me vi a comentar, para terceiros, a partilha de um momento único, entre mim e a pessoa com que terei feito amor.
    Posto isto, direi que a situação apresentada terá sido uma entre "n" formas em que aconteceu a primeira vez de alguém. Para alguns (ele e/ou elas) foi maravilhoso, para outros simplesmente horrível. Por vezes, a Primeira Vez acontece, de forma inesperada, outras planeada, umas fruto do amor, outras fruto da "tesão" (os brasileiro usam este termo de uma forma muito peculiar e acertada), outras fruto do momento-tipo-a-ocasião-faz-o-ladrão. Tentei ler o texto na íntegra mas não encontrei e, pelo meio, senti que desfolhava a revista Maria (sem críticas, apenas constatação, com respeito).
    Assim, resta-me desejar que o casal tenha gozado bem o momento e que tenham vivido felizes para sempre.

    ResponderEliminar
  45. S*,

    Ora nem mais! ;)

    Velho,

    Okay! ;)

    Pretty,

    Obrigada pela tua partilha. Percebi perfeitamente o teu raciocínio. ;)

    Isabel,

    Risos... tenho que ir ao Shiuuuu cobrar pelas visitas. ;)

    Yellow,

    Risos... gostei da comparação da Maria. Muito bom!

    A sensação que tiveste em comentar para terceiros, tive a mesma sensação. (Risos)

    ResponderEliminar
  46. Epá...quem é o homem de 30 que se interessa por uma rapariga de 17 e virgem?! Desculpem lá, mas deve ser fraquito!
    Eu tenho quase (quaaaase!) 30 e não queria um virgem de 17 nem disfarçado!

    ResponderEliminar
  47. Um facto existe desde já: vai ser uma história que jamais será esquecida. A "nossa" primeira vez já por si (e digo isto para as mulheres) é algo que não esquecemos, mas desta forma foi de certeza diferente. Não vou dizer desagradável, pois só ela o saberá... mas certamente algo transcendental à minha maneira de estar. Mas cada um é que sabe de sim.

    ResponderEliminar
  48. Olha melherii eu concordo em absoluto com o que dizes, sendo virgem queria era estár a vontade! Maaassshhh tr«sharraannn ha quem adore uma queca a vampiro.

    ResponderEliminar
  49. Ao longo da vida, podemos ter muitas relações. Podemos até ficar marcados com alguns momentos fantásticos de amor. Mas a primeira vez é sempre especial, o importante é ser especial!
    Quanto às relações com o período, é preciso muita cumplicidade...

    beijo
    Sutra
    P.S.1:É impressão minha ou estamos a falar de pedofilia?!

    P.S.": Há vampiros e vampiros... :P

    ResponderEliminar
  50. Na minha opinião, nao acho nada estranho que a rapariga tenha perdido a virgindade no carro, uma vez que tenho uma amiga bastante proxima que o fez pela primeira vez no parque de estacionamento do casino de Lisboa. LOL.
    Quanto à questão da menstruação... Acho que é uma questão que cabe a cada casal. Só a dois podemos saber até onde estamos à vontade para ir.. E só nós sabemos o nivel de intimidade que conseguimos desenvolver. Posto o facto que, como já aqui foi referido, as mulheres têm mais prazer nessa altura do mês (e se forem como eu, quando têm mais vontade), acho perfeitamente normal essa situação.
    Pessoalmente, apesar de ser a altura que mais me dá vontade, não é (e fugindo às estatisticas) quando me dá mais prazer.

    ResponderEliminar

"Eu não escrevo em português. Escrevo eu mesmo".♥ - Fernando Pessoa

A essência que queres partilhar comigo é?...