sexta-feira, 4 de maio de 2012

Post de última hora mas, extremamente necessário.


Há muito tempo que uma conversa de mero acaso mexeu tanto comigo. Mero acaso para mim, porque para ela, que estava ávida que lhe desse 5 minutos de conversa, a história foi outra.
Dei os tais 5 minutos e, os segundos, os minutos passavam e pareciam uma eternidade. Porque aquela mulher estava como nunca a tinha visto. Debitava, debitava as suas maleitas assim a toque de caixa, e nem me deixava respirar (quase). Estava sôfrega de atenção. Estava sôfrega que alguém a ouvisse e a entendesse. Estava sôfrega por uma palavra reconfortante. Ela só pediu 5 minutos de atenção...
Cheguei ao carro (sim, nem fui a mais lado nenhum. Fui directamente para o carro), e estava sem fôlego. Estava com o coração acelerado. De repente, estupidamente, as lágrimas caiam-me e nada fazia sentido na minha mente. Senti um vazio enorme no meu coração, na minha alma. Parecia que estava a flutuar. E só pensava, "as pessoas vivem o tempo todo a encenar. Vivem o tempo todo com a máscara posta. Vivem o tempo todo sem serem verdadeiramente elas e, quando estão no seu limite e, tiram a máscara, saem daquela encenação a que nos habituaram. E aí, estranhamos, ficamos chocados com esta e outras tantas realidades que levantam voos mais altos que são, as questões, que instintivamente são colocadas e, posteriormente analisadas e, nem sempre a conclusão final é a mais simpática. Não. Aliás, nada é simpático neste cenário. Porque ao fim ao cabo, tudo não passa de miragens. Meras miragens..." - Hoje, depois da conversa com essa mulher e, após esta conclusão, sinto-me sem energia, como há algum tempo não sentia.

20 comentários:

  1. É dificil trazer cá para fora quem verdadeiramente SOMOS... e as pessoa preferem viver um "teatro" do que na realidade. O que doi é quando as vemos no BACKSTAGE... quando a realidade é bem diferente e (muitas vezes) não gostamos do que vemos.
    Gosto do que é real, verdadeiro... o encenado, só na novela!

    Bjs cheios de alegria xxxx

    ResponderEliminar
  2. esqueci-me de te dizer que há um MIMO para ti no meu cantinho. ;)

    ResponderEliminar
  3. Existem pessoas que nos sugam a energia.

    ResponderEliminar
  4. É complicado, há pessoas que querem tanto desabafar que se tornam absorventes.

    ResponderEliminar
  5. Revejo muito do que já senti neste teu texto, tenho algumas pessoas assim na minha vida, usurpadores e sugadores de energia, por isso é que te sentes assim, tão desgastada e sem forças. Recupera devagar mas tenta eliminar e descarregar tudo o que o tei instinto achar que não te faz falta, faz a triagem como lhe chamo e limita esses encontros e conversas ao indispensável.
    Beijocas nossas ;)

    ResponderEliminar
  6. Costuma-se dizer que nem tudo o que parece é. Eu diria que quase nada do que parece o é, realmente.
    Debaixo de roupas caras ou farrapos, carros mais ou menos ostensivos, debaixo de cada teto, atás de cada cara, encontram-se escondidas vidas, situações vividas em segredo. Seja por que se quer seja porque assim é obrigado. O ser humano é deveras complexo. Nunca podemos ficar pelos 'olás' de circunstância.
    Por isso os amigos são raros e quem conhecemos realmente quem são?
    Pensamos muita coisa,, mas o mundo é diferente para cada um de nós.
    Percebi o teu choque,mas se pensarmos bem, não conhecias já a realidade?
    Um beijinho e deixaste-me mais atenta, obrigada!

    ResponderEliminar
  7. Há pessoas assim, autênticos vampiros psíquicos.
    Eu creio que o que mais tenha sugado as energias foi perceber a revelação da pessoa que nunca foi diante de ti.

    ResponderEliminar
  8. Existem muitas pessoas que vivem uma vida de fachada ( dentro das suas próprias casas ), que tentam mostrar serem felizes na rua e não o são. mas se a pessoa sentiu confiança em ti, isso é muito bom. beijos e um abraço

    ResponderEliminar
  9. Paula,

    E não vivemos uma novela, real?

    Obrigada pelo miminho.

    Miss Betty,

    Sim, existem. Mais do que possamos imaginar. Cada vez estão mais ávidas de atenção... pela vida que levam, os problemas que têm. Enfim, uma conjuntura tremenda.

    S*,

    Demais.

    Karochinha,

    Nem sempre conseguimos abstrair do que nos rodeia. Nem sempre conseguimos ficar imunes a estas e outras situações. E, no fundo, ainda bem. Um misto eu sei, mas por vezes faz falta estes "abanões". Deixa-nos a reflectir e a ver outras realidades. Faz parte da nossa aprendizagem.

    Pérola,

    Parece-me que não leste bem o post. Mais, parece-me que não compreendeste bem o sentido que dei ao post. Enfim, estamos sujeitos a estas e outras interpretações quando deixamos uma caixa aberta, de facto. E aqui, não se trata de aceitar ou não a opinião de terceiros.

    Respondendo à tua primeira pergunta, nunca conhecemos ninguém verdadeiramente. As pessoas num modo geral, familiares, amigos etc, só se mostram até onde querem e o que querem! Depois, aqui nesta situação, não se tratava de uma amiga. O que não muda muita coisa.
    Depois, a segunda pergunta, que realidade é essa que me questionas? A minha? As pessoas do Mundo? A dela? Porque se for a minha, eu a conheço perfeitamente mas, se for a dela ou até as do mundo que nos rodeia, não, não conheço, sinto muito! Não conhecia a dela, até a própria mostrar-se verdadeiramente, sem máscaras, sem subterfúgios, como relatei no post. E sim, foi essa fragilidade dela que me comoveu e chocou ao mesmo tempo. Porque estamos habituados a ver determinada pessoa assim e depois, de repente, vemos assado. Tão simples (não sendo simples), quanto isso.

    Fico feliz por perceber que sais daqui, e que fui eu a impulsionadora para o teu estado de atenção para este tipo de tema daqui para a frente.

    ResponderEliminar
  10. Se vivemos num mundo profundamente egoísta, egocêntrico, um mundo em que cada um só vive em função de si próprio, haverá tempo para tirar a máscara? Haverá muitas pessoas disponíveis a ceder 5 minutos do seu tempo para ouvir o outro?

    É a solidão, cara Essência, uma solidão resultante de uma sociedade complemente desumanizada.

    ResponderEliminar
  11. Há pessoas que vivem num mundo aleanado...só delas e querem à viva força que os outros entrem nele.É triste.Mais tarde ou mais cedo a máscara cai.

    ResponderEliminar
  12. Há palavras que custam a sair por ser a verdade nua e crua...mas quando saem, ajuda em tudo dentro e fora de nós.

    ResponderEliminar
  13. Por vezes ficamos chocados com a vida, normalmente ficamos chocados e baralhados com situações que nos sucedem mas também, noutras ocasiões é a própria vida alheia, é o tomar conhecimento de outras histórias que nos comovem, que nos chocam e nos colocam a pensar na nossa própria vida.

    ResponderEliminar
  14. Há pessoas que têm esse efeito, às vezes acabamos por ouvir coisas que preferíamos não ouvir.

    ResponderEliminar
  15. Há uma amiga miha que diz que eu pareço um iman do frigorifico, que absorvo tudo dos otros e depois sofro com isso. Tenho aprendidoa desligar.
    Limito-me a ouvir e depois faço reset.
    DEsliga.Take a deep breath and smile.
    Beijinho essência

    ResponderEliminar
  16. a vida é um teatro, o teatro é a relidade da vida.


    :)

    ResponderEliminar
  17. Eu não tenho uma máscara,tenho uma capa de algo como "intrasponivel, quiça insensível, difícil, pouco emocional". Mas é nela que escondo as coisas menos boas, as dores,o sofrimento.Não gosto de transmitir sensações e pensamentos menos agradáveis para os outros.Se são meus,comigo ficam.

    ResponderEliminar
  18. Christian,

    Sim, foi por aí...

    apenas umas palavras,

    Sim, é verdade. Como diz o outro, "dentro do convento, só quem lá vai dentro é que sabe." - Penso que não escrevi bem, mas é dentro disto.

    Teresa,

    Sim, concordo com o teu ponto de visto. Num modo geral, faz sentido.

    Mamã,

    Entendo o que queres dizer, mas aqui não foi bem por aí. Mas não deixa de ser pertinente o teu ponto de vista também.

    Palavra,

    Sim. Mas, mais que sair, ouvir.

    Enfant,

    Perfeito!

    Miss Muder,

    Ora nem mais!

    Jiggly,

    Sim, muitas.

    Beu,

    Por vezes não é fácil, mas tenho tentado.

    desejo,

    Ora pois.

    Inês,

    Entendo-te.

    Kiss

    ResponderEliminar
  19. Um beijo cheio de energia! :)

    beijo
    Sutra

    ResponderEliminar

"Eu não escrevo em português. Escrevo eu mesmo".♥ - Fernando Pessoa

A essência que queres partilhar comigo é?...